A14

Milano / São Paulo

Perfil

Perfil

 

Daniela Lorenzi é fundadora do A14. A14 é o desenvolvimento de um percurso pessoal, iniciado nos anos 90 por uma série de colaborações profissionais e interdisciplinares. Fotografia, artes gráficas, editoração e impressão de arte são a base de um processo único, com participação de Mascia Manunza, Isabella Ferrarin, Massimo Petringa e Andrea Pol, nasceu o primeiro Atelier 14, onde Daniela Lorenzi, se tornará sucessivamente a figura de referência. Atelier Quattordici, como um espaço dedicado a pesquisa da impressão original de arte, abre oficialmente em Milão em 1995 na sede de Corso San Gottardo n°14 com trabalhos de impressão e editoração de publicações de tiragem limitada, livretos, e livros de artista. Desde o início, existia uma intenção de oferecer um espaço aberto a experimentação, onde a herança técnica e atmosfera típica dos tradicionais ateliês de impressão de arte podem ser combinados com as novas tecnologias e outras contaminações. E neste clima inicial de trabalho intenso, nascem os primeiros projetos com o Brasil, que levaram a um processo de intercâmbio com outros países através de realizações ou participações em exposições e também trabalhando na área didática e de divulgação. Em 1997/98 em paralelo com a pesquisa e produção ensinada na Academia Aldo Galli di Como, como Assistente alla Cattedra di Incisione do Professor Mario Benedetti o qual anteriormente, nos anos acadêmicos de 1995/96 e 1997/85 tinha trabalhado como Tutor per la Cattedra di Incisione all’Accademia di Belle Arti Brera em Milão e depois como assistente de impressão, trabalho artístico de produção gráfica. Graças a um longo e intenso período de colaboração com o ateliê de Giorgio Upiglio, participando na impressão e realização de edições, se depara com a pesquisa de Wifredo Lam, Lee Ufan, Alik Cavaliere, Julio Paz, Rita Gallè, Sandro Martini, Corbacciò, Raimundo Sesma, Mimmo Paladino, Burri, Della Torre e muitos outros artistas reconhecidos em âmbito italiano e internacional. Neste contexto, teve a oportunidade de conhecer personalidades importantes do mundo da arte como Roberto Sanesi, Dario Fo e Sanguineti Eduardo, Dorfles, Arturo Schwarz. De 2001 até 2005, no mesmo espaço em Corso San Gottardo n°14, cria-se uma nova sociedade com Daniele Upiglio. Por alguns anos continua-se com o nome Atelier Quattordici-Grafica Upiglio 22250, com as colaborações com artistas, a organização de programas de intercâmbio e participação em conferências e workshops na Itália e outros países, incluindo Canadá, Suíça e Holanda. Cresce a produção editorial de livretos e livros de artista. Parte da atividade do ateliê é dedicada a cursos para o “Ministero degli Esteri” para a formação de impressores profissionais e em participações diversas em projetos temporários incluídos no contexto escolar italiano e internacional. Em Janeiro de 2006 nasce A14 como uma nova forma de consultoria profissional “itinerante”, que conta com uma competência muito específica. Funciona através de uma rede de colaborações na Italia e exterior, com o apoio das estruturas específicas mais adequadas, favorecendo o aprofundamento e maior atenção às particularidades de cada projeto. Atualmente o canal de comunicação com o exterior mais ativo é o Brasil, principalmete pelos contatos e trocas em São Paulo que resaltam a atividade do Atelier Quattordici desde 1997.